8 Ferramentas de Gestão para Controlo de Qualidade

Controlo de Qualidade das Ferramentas
Garantia de qualidade

8 Ferramentas de Gestão para Controlo de Qualidade

Controlo de Qualidade das Ferramentas

Controlo de qualidade é um processo importante num sistema de produção que visa assegurar que os produtos entregues cumprem os padrões de qualidade e desempenho especificados pelo cliente. Entre outros, os indicadores de controlo de qualidade podem ser categorizados em:

1) Indicadores de processo (lead time, produtividade dos empregados, etc.) e
2) Indicadores de produtos ou serviços (os requisitos do processo foram cumpridos).

O Controlo de Qualidade procura para minimizar qualquer variabilidade nestes indicadores, quer dentro de um processo ou entre processos, quando muitas equipas estão envolvidas em múltiplos projectos. Isto é feito principalmente através de um enfoque em quatro elementos-chave: comunicação, formação, melhoria contínua, e resolução de problemas.

As 8 Ferramentas de Gestão para o Controlo de Qualidade

1. Fluxograma: Os fluxogramas são uma representação estática de um processo. Embora os fluxogramas sejam úteis para documentar o processo, não fornecem uma visão detalhada da eficiência (ou ineficiência) do processo.

Exemplo de caso de utilização: documentar a qualidade na fase de produto

2. Diagrama de Pareto: uma representação gráfica dos dados que podem ser utilizados para identificar 80% (ou mais) das áreas problemáticas de um processo. O diagrama de Pareto destaca os muitos critérios envolvidos na determinação das áreas de melhoria do processo.

Exemplo de caso de utilização: documentar a qualidade na fase do processo

3. Gráfico de Gantt: apoio visual para agendar actividades num período de tempo específico, onde as tarefas são codificadas por cores num único gráfico de acordo com o seu progresso e correm de cima para baixo ou da esquerda para a direita em gráficos individuais.

Exemplo de caso de utilização: documentar a qualidade numa fase do processo

4. Quadro de controlo: uma grande ferramenta para monitorizar e gerir as mudanças nos processos ao longo do tempo. Este método permite ver se o processo está ou não a melhorar as horas extraordinárias. As cartas de controlo podem ser utilizadas para assegurar a estabilidade do processo, o que pode então conduzir a uma melhoria da qualidade.

Exemplo de caso de utilização: documentar a qualidade numa fase individual do projecto

5. Histograma: uma representação gráfica dos dados que podem ser utilizados para identificar padrões nos dados.

Exemplo de caso de utilização: melhoria da qualidade na fase do processo

6. Diagrama de dispersão: uma representação gráfica dos dados que podem ser utilizados para identificar correlações nos dados.

Exemplo de caso de utilização: melhoria da qualidade na fase do processo

7. Gráfico de Pert: um instrumento para compreender a relação entre eventos, actividades, ou decisões relacionadas. O gráfico PERT é mais eficaz quando existem ligações claras e concisas entre actividades relacionadas e é melhor utilizado quando existe incerteza sobre estimativas de tempo.

Exemplo de caso de utilização: melhoria da qualidade na fase de projecto

8. Método Kano: este método de melhoria do processo combina e colaboração de todas as técnicas anteriormente mencionadas numa só tarefa, ao mesmo tempo que determina onde são realmente necessárias melhorias.
Exemplo de caso de utilização: melhoria da qualidade na fase de projecto

Ao determinar onde fazer melhorias num processo, é importante compreender que áreas "não devem mudar".

As ferramentas de controlo de qualidade mais importantes são as que interagem com o cliente e que são utilizadas para melhorar os processos.

Por exemplo, um cliente pode queixar-se de que certos componentes não foram entregues a tempo e que não deveriam ter sido enviados tão tarde. O produtor pode então recolher informações (por exemplo, através de entrevistas ou visitas a um cliente) sobre esta queixa, a fim de determinar o que causou o problema e como pode ser evitado no futuro.

Conclusão:  Embora a ideia de controlo de qualidade exista há muito tempo, a abordagem moderna tornou-se mais complexa com o advento de muitas ferramentas diferentes que ajudam os gestores não só a acompanhar o desempenho dos seus projectos, mas também a identificar áreas de melhoria. A plena compreensão e utilização destas ferramentas de controlo de qualidade é essencial para o sucesso continuado no mundo de hoje.

Partilhar nas redes sociais

Leave your thought here

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

thirteen − 4 =